Seleção de quotes|| O que eu aprendi com o Pequeno Príncipe?



Oi pessoal, tudo bem?

Recentemente eu reli o livro O pequeno Príncipe e aprendi lições valiosas. É incrível quando um livro te ensina muito mais ao longo dos anos. Antoine Saint- Exupéry não apenas escreve uma história para crianças. Como vocês sabem, esse é o tipo de livro que fala para todas as idades. Sempre que pegamos ele, um tempo depois, vamos aprender algo novo. Isso é mágico. Por isso separei alguns quotes que falaram ao meu coração. Senti essa necessidade de colocar para fora e compartilhar com vocês!



Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.

Essa é uma das frases que permeia todo o livro. Você já pensou nas coisas que tem plantado? O que ou quem tem cativado? Uma relação precisa ser alimentada, dessa forma o sentimento não acaba. Tudo que você tocar deve ser regado. Assim como o Pequeno Príncipe cuidava de sua flor, você tem que cuidar daquilo que ama.


As pessoas são solitárias porque constroem muros ao invés de pontes.

Muitas pessoas reclamam da solidão. Não estou falando da doença psicológica, mas sim, do sentimento que nos acomete por hora. Se proteger e se afastar é normal, mas para tudo há um limite. As pessoas acreditam que a melhor forma é construir muros para evitar a dor, mas a cultivar amizades e relacionamentos saudáveis fazem toda a diferença para combater essa sensação, caso ela persista.

A gente corre o risco de chorar um pouco quando se deixa cativar.
A palavra que eu coloquei para esse ano foi "Arriscar". Sério. Muitas vezes estamos em uma zona de conforto tão boa, que não nos permitimos viver desafios. Novas amizades, um novo emprego, um relacionamento para quem está solteiro e deseja isso. Chorar faz parte e faz bem. Antes da vitória  nós precisamos passar pela tempestade, para provar que merecemos tal coisa.

Todas as pessoas grandes foram um dia crianças – mas poucas se lembram disso.
Quantos de vocês hoje pensaram sobre a infância? Estamos tão atarefados com nosso cotidiano e trabalho que não nos permitimos ser crianças por algumas horas. Todos nós já fomos criança. Temos um lado infantil que não podemos deixar morrer. É preciso saber a hora certa para usar e lembrar disso! Não concorda?

É preciso exigir de cada um o que cada um pode dar.
Você já percebeu o quanto a humanidade tem se mostrado infeliz? Pois é. Um dos grandes problemas se resume a uma palavra: Decepção. Não podemos exigir das algo acima do que ela pode dar. Cada pessoa tem um limite e demonstra a sua maneira o que sente. É impossível que alguém possa suprir tudo o que você deseja. Por isso há tantos relacionamentos fracassados. Porque um lado sempre vai exigir mais, e outro vai se cansar. Entenda que as pessoas não são máquinas. Aceita com o coração aberto o que te oferecem, claro, se for com boas intenções! 

É preciso que eu suporte duas ou três larvas se quiser conhecer as borboletas.

Encerro a postagem com uma das frases mais fortes do livro! Você está disposto ao sacrifício?  Eu diria que nunca estou pronta, mas é algo necessário. Assim como a borboleta precisa passar por duas ou três larvas, você precisa entender que o sacrifício é uma consequência para se alcançar um objetivo! É certo que na vida iremos passar por fases boas e ruins. Quando vemos a borboleta e sua magnitude de cores, entendemos o porque ela suporta duas ou três larvas.

Espero que tenham gostado! Você já leu o pequeno príncipe?

Dica de vídeo com frases inspiradoras da obra:



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.