Resenha|| Um coração maior que o mundo


"A vida não tem graça de a gente vive sem ter um motivo. Algo que faça o nosso coração bater mais forte."


Título: Um coração maior que o mundo
Autora: Christian Figueiredo
Editora: Planeta de Livros
Ano: 2017
Páginas: 205

Chris é um jovem de hábitos estranhos. Tímido e calado, não possui nenhuma rede social e ama ler os poetas que morreram jovens demais. Seu sonho? Ser escritor e, com a escrita, mudar a vida das pessoas. Morando numa cidade do interior, vê sua vida mudar por completo ao receber uma trágica notícia: sua mãe, Helena, precisa urgente de um transplante. Junto com a família, parte para São Paulo, em busca de um novo coração. Lily é uma garota paulistana que há muito tempo não sente seu coração acelerar. Cansada da vida que leva, nada mais é capaz de despertar seu interesse: roupas caras, seguidores nas redes sociais, amigos da high society e muito menos o curso de cinema que acabou de começar. Tudo parece ter perdido o brilho de uma hora pra outra. Um encontro inesperado, no parapeito de um prédio, mudará para sempre a vida destes dois personagens. Christian Figueiredo, que conquistou milhares de leitores com sua trilogia anterior, agora dá voz a jovens tão diferentes, mas com anseios parecidos: viver por aquilo que faz o coração bater mais forte.  
Um coração maior que o mundo conta a história de Chris, um jovem sonhador que sonha em cursar letras e fazer um curso de escrita criativa no exterior. Chris e sua família sempre tiveram que conviver com o problema de saúde de dona Helena, mas nunca desanimaram ou se deixaram vencer pelas dificuldades. Infelizmente o grave problema de coração da mãe de Chris vai piorando  e a única alternativa para ela é um transplante de coração ou um tratamento mais especifico até que o transplante aconteça, por isso eles deixam tudo o que tem e se mudam de Garça para São Paulo em busca de uma nova vida e um novo coração. Para isso Chris abriu mão de alguns sonhos, não definitivamente, ela apenas os adiou assumindo outras prioridades. 

Em São Paulo todos começam uma nova vida, mas sem a padaria da família para lhes dar suporte na questão financeira, eles precisam buscar uma nova renda, é assim que Chris e seu pai conseguem um emprego de garçom, Chris apenas como free lancer, depois da insistência de seu pai de que ele se dedicasse aos seus sonhos. 

É em uma das festas na qual está trabalhando que Chris conhece Lily, uma jovem totalmente diferente se si, não apenas pela grande barreira social que os separa, mas pelo fato de que enquanto Chris corre atrás daquilo que deseja, Lily ainda precisa encontrar seu lugar no mundo, em todos os aspectos.


"Quando duas pessoas se encontram e há uma conexão real entre elas, não existe essa história de mundos diferentes."

Chris imediatamente reconhece Lily como a garota que ele viu em um aplicativo de namoro a algum tempo atrás, e como se o destino estivesse conspirando para uni-los, eles acabam se dando muito bem e o contato na universidade acaba iniciando uma amizade inesperada e um romance lindo.

Chris é tudo aquilo que os pais de Lily não esperam, mas decidida a tomar as redias de sua vida Lily decide entrega-se a esse novo amor e ao fato de que depois de tanto tempo pode finalmente descobrir quem era e o que queria da vida. Mas é claro que as coisas não seriam assim tão simples e a barreira social entre eles parece ser bem maior do que eles podiam imaginar, mas depois de decidirem dar um tempo e perceber o amor entre eles é real e a vida passa rápida demais para se desperdiçar, eles resolvem se dar uma nova chance.

Enquanto isso Chris continua lutando por sua bolsa no exterior, Lily decide criar uma nova vida e seguir seus sonhos, Dona Helena passa por uma cirurgia enquanto aguarda o novo coração... Mas a vida não espera nem planeja o amanhã, ela acontece hoje e pode como num passe de mágica, acabar.

Um coração maior que o mundo é um livro simples e rápido, uma história leve sobre a vida e as suas incertezas. Sobre a necessidade de mudança e adaptação. De Lutar e de se impor, mas principalmente de viver. É um livro leve, porém cheio de lições que nos leva a refletir sobre a nossa vida, as pessoas que nos cercam e a importância de se viver o agora.


"O  amor salva as pequenas horas, às vezes um dia e, com sorte, uma vida."

Cheio de frases de incentivo, com uma linguagem leve, um tanto amadora, e uma história rápida, esse livro nos mostra que precisamos ser como o Chris: julgar a vida não pela quantidade de tempo que se vive, mas pela intensidade com a qual ela é vivida.

É um livro ideal para nos tirar de uma ressaca ou para uma leitura de fim de tarde, apesar do final emocionante não é um livro intenso, mas é uma leitura bastante prazerosa. Mesmo não tendo curtido muito a capa (esse modelo não chamaria a minha atenção), a edição e diagramação são um belo trabalho da editora Planeta. Recomendo!

Onde comprar: Amazon / Saraiva
SOBRE  O AUTOR



Christian Figueiredo de Caldas é um youtuber, ator, apresentador e escritor brasileiro, que se tornou conhecido em 2014 quando se tornou um dos maiores youtubers do Brasil. 

Nenhum comentário