INTERCULT || 153 ANOS DE CAMPINA GRANDE


Hey leitores, tudo bem com vocês? 
Essa é a minha primeira participação na coluna Intercult e eu estou super feliz, porque vou trazer para vocês um  pouquinho da nossa história. Dia 11 de Outubro é feriado aqui em Campina Grande, cidade da maioria dos colaboradores e da fundadora do blog Faces em Livros. Morar no Nordeste, mais especificamente em Campina, não é motivo de vergonha para nós, ao contrário, somos muito felizes e orgulhosos por fazer parte dessa história, tenho certeza de que ao final dessa postagem vocês vão entender direitinho o porque.




A segunda maior cidade do Estado da Paraíba, Campina Grande, festeja nesse dia 11 seus 153 anos de emancipação política.  Conhecida como “A Rainha da Borborema”, a aniversariante do dia, é considerada um dos principais polos industriais da Região Nordeste bem como um dos maiores polos tecnológicos da América Latina, além de “Berço do Saber” para vários paraibanos de outras cidades e também de pessoas de outros estados e até de outros países. 

Foi fundada em 1º de dezembro de 1697, tendo sido elevada à categoria de cidade em 11 de outubro de1864, de acordo com a Lei Provincial de Nº 137. De acordo com estimativas de 2014, sua população é de 402. 912 habitantes, distribuidos em uma área que abrange 594,2 km². É também a segunda cidade mais populosa da Paraíba, possui 52 bairros e sua região metropolitana é formada por dezenove municípios. Fazem parte do município os seguintes distritos: Catolé de Boa Vista, Catolé de Zé Ferreira, São José da Mata, Santa Terezinha e Galante. 


Campina Grande ainda é um importante centro universitário, contando com dezessete universidades sendo duas delas públicas. É também proporcionalmente a cidade com o maior número de doutores do Brasil, 1 para cada 590 habitantes, seis vezes a média nacional. Além de ensino superior, o município é destaque também em centros de capacitação para o nível médio e técnico. 

Possui o segundo maior PIB, de 5,339 bilhões, entre os municípios paraibanos, representando 15,63% do total das riquezas produzidas na Paraíba. Uma evidência do desenvolvimento da cidade nos últimos tempos é o ranking da revista Você S/A, no qual ela aparece como uma das 10 melhores cidades para se trabalhar e fazer carreira do Brasil, única cidade do interior entre as capitais escolhidas no país. É ainda considerada a cidade mais dinâmica do Nordeste e a 6ª mais dinâmica do Brasil, segundo “A Gazeta Mercantil”, e foi apontada como uma das 20 metrópoles brasileiras do futuro.



Localizada a 133 km da capital João Pessoa, o município sedia ainda variados eventos culturais, destacando-se os festejos de São João, que acontecem durante todo o mês de junho, “O Maior São João do Mundo”.


Campina Grande está longe de ser a melhor cidade do mundo, mas certamente não é a pior, e acima de tudo é o nosso lar, por isso somos felizes e gratos por fazer parte dessa história, e tudo o que podemos dizer hoje é : Parabéns Campina Grande.  

Fonte da reportagem: http://www.paraibatotal.com.br

4 comentários

  1. Parabéns à Capina Grande e ao blog Faces em Livro pelo post tremendamente informático e recheado de sentimentos. Adorei conhecer essa cidade que vcs chamam de lar.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos
    www.garotosperdidos.com

    ResponderExcluir
  2. a cidade natal do meu painho <3
    sonho em um dia poder visitar. Ele fala direto que eu preciso conhecer a terrinha dele...
    bjs :D

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?

    Parabéns a sua cidade !!! Não conheço, mas achei muito legal a sua iniciativa de fazer um post a respeito de sua cidade natal.
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Que legal, não conhecia bem a história de Campina Grande. Mas, parabéns à cidade!
    Já estive na Paraíba, mas só fui em João Pessoa. Infelizmente, não deu tempo de visitar Campina Grande. Suas fotos me deixaram com muita vontade de conhecer, pois parece ser um lugar lindo.
    Quem sabe um dia, né?
    Beijos!

    ResponderExcluir