SETEMBRO AMARELO || LIVROS QUE FALAM SOBRE SUICÍDIO

Olá leitores! Pra quem ainda não conhece, o Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. A campanha ocorre todo mês de setembro desde o ano de 2014, com o intuito de alertar sobre a situação do suicídio no Brasil e no mundo, mostrando também as suas formas de prevenção. Nesse mês, muitos estabelecimentos e monumentos adotam a cor amarela na suas fachadas e decorações, como forma de apoio ao projeto. Em virtude disso, venho apresentar alguns livros que tratam sobre o tema que podem ser úteis seja para conhecermos o assunto.

Quem acompanha meus posts aqui no blog sabe o quanto eu amo livros com temas assim, livros com temas psicológicos e fortes são os meus favoritos, pois são livros em que eu posso me colocar no lugar dos personagens e entender um pouco o que eles passam. Dessa forma sigo contribuindo para conhecer melhor essas pessoas e saber lidar com aquelas que estão ao meu redor, que passam por uma situação semelhante. Esses livros se tornaram os meus favoritos, porque eles conseguem mudar o meu modo de ver a situação. Eles sempre me ensinam algo novo e me estimulam a ter empatia e amor ao próximo. Portanto, hoje trago alguns pra vocês, não vou falar de todos que já li se não a lista ficaria enorme, mas aqui estão os meus favoritos, espero que vocês também possam aprender com eles tudo que aprendi ao longo das leituras. 

1- Por Lugares Incríveis - Jennifer Niven


Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, a garota se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família. Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.
Esse livro merece ser o primeiro da lista porque ele é incrível, super emocionante e belo, a autora nos trás uma história de arrasar qualquer um, entrei em uma ressaca literária após ele porque nada mais parecia fazer sentido haha, mas ele é perfeito porque mostra a realidade de adolescentes suicidas, mostra o quanto é trabalhoso e difícil passar por tudo isso e o quanto uma pessoa importante pode ajudar na decisão do outro, vale muito a pena ser lido!

2 - Os 13 porquês - Jay Asher


Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker - uma colega de classe e antiga paquera -, que cometeu suicídio duas semanas atrás. Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.






Só de pensar nesse livro, já fico emocionada. Não vou falar muito sobre ele pois já fiz uma resenha completa dele que vocês podem conferir aqui. Esse livro me deixou em prantos, sempre que leio ele tenho uma emoção diferente, mas ainda espero o dia que irei ler e não me emocionar. Como todos os livros que tratam desse assunto, esse livro é bastante forte e tocante.

3- Perdão, Leonard Peacock - Matthew Quick


Hoje é o aniversário de Leonard Peacock. Também é o dia em que ele saiu de casa com uma arma na mochila. Porque é hoje que ele vai matar o ex-melhor amigo e depois se suicidar com a P-38 que foi do avô, a pistola do Reich. Mas antes ele quer encontrar e se despedir das quatro pessoas mais importantes de sua vida: Walt, o vizinho obcecado por filmes de Humphrey Bogart; Baback, que estuda na mesma escola que ele e é um virtuose do violino; Lauren, a garota cristã de quem ele gosta, e Herr Silverman, o professor que está agora ensinando à turma sobre o Holocausto. Encontro após encontro, conversando com cada uma dessas pessoas, o jovem ao poucos revela seus segredos, mas o relógio não para: até o fim do dia Leonard estará morto.



É um livro que faz bastante tempo que li, um dos primeiros que li sobre o assunto, mas lembro que foi super emocionante. A leitura foi surpreendente, afinal, quando é o seu primeiro livro sobre o assunto, você não está totalmente preparada pra tudo que ele pode causar. Ao longo do livro, o autor nos mostra vários outros temas como bullying, preconceito e abandono familiar. É um livro que trás várias reflexões e nos mostra técnicas de ajuda a situações difíceis, que é até uma técnica que adoto quando as coisas ficam mais complicadas, vale muito a pena ser lido, pois é extremamente reflexivo.

4- O Último Adeus - Cynthia Hand



A autora de fantasia que está encantando leitores com a força de sua escrita lança seu primeiro romance contemporâneo – uma trama comovente e impactante situada nos dias de hoje. Depois de sucessos internacionais como a saga Sobrenatural, Cynthia Hand demonstra todo o seu talento numa história sobre perda, culpa e superação. O Último Adeus é narrado em primeira pessoa por Lex, uma garota de 18 anos que começa a escrever um diário a pedido do seu terapeuta, como forma de conseguir expressar seus sentimentos retraídos. Há apenas sete semanas, Tyler, seu irmão mais novo, cometeu suicídio, e ela não consegue mais se lembrar de como é se sentir feliz.



Esse livro é super interessante porque ele nos trás uma outra visão acerca do suicídio, uma visão de como a família tenta superar o ocorrido, mostra o dia a dia de uma família machucada por um suicídio que tem que se esforçar dia após dia para conseguir viver. Um livro que é muito importante para quem quer conhecer mais sobre o tema justamente por abordar esse outro ponto de vista a cerca do suicídio, também tenho resenha deste livro, se vocês quiserem conhecê-lo melhor, podem conferir aqui


5 - A Lista Negra - Jennifer Brown



O namorado de Valerie Leftman, Nick Levil, abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola em que estudavam. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma colega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista com o nome dos estudantes que praticavam bullying contra os dois. A lista que ele usou para escolher seus alvos. Agora, ainda se recuperando do ferimento e do trauma, Val é forçada a enfrentar uma dura realidade ao voltar para a escola para terminar o Ensino Médio. Assombrada pela lembrança do namorado, que ainda ama, passando por problemas de relacionamento com a família, com os ex-amigos e a garota a quem salvou, Val deve enfrentar seus fantasmas e encontrar seu papel nessa história em que todos são, ao mesmo tempo, responsáveis e vítimas.


Esse livro fala muito sobre o bullying, afinal, tudo gira em cima dele. Val e seu namorado escreviam nomes em uma lista negra, nomes de pessoas que eles queriam que morressem, aquelas que faziam algo de ruim com eles, entretanto, o que era para ser uma brincadeira foge do controle e acaba se tornando realidade quando o namorado aparece na escola com uma arma pra tentar matar todo mundo. Valerie sobrevive, mas fica com todo o peso da culpa em cima dela, tendo que conviver com as pessoas e o julgamento ao seu redor. É um livro super interessante, que vale a pena ser lido, pois também mostra esse outro aspecto do suicídio, que é quando antes de se matar, você tenta matar aqueles que te feriram.

Bom, essa foi a lista dos 5 livros que mais me marcaram em relação ao tema suicídio, espero que vocês tenham gostado e possam ler, porque vale super a pena e também podem comentar outros livros que não estão na lista, mas que vocês também gostaram para que as pessoas possam conhecer. Lembrem-se: vocês são amados, vocês são especiais, vocês valem a pena. ♥

Eu sei que as coisas podem ser difíceis às vezes
Eu sei que nem sempre encontramos força pra continuar 
Eu sei que quando você está se sentindo perdido 
Parece que nada vai melhorar 
Parece que não há vida após isso que você está sentindo
Parece que nada vai te fazer sorrir novamente 
Mas essa dor
Ela oculta os sentimentos positivos
Ela faz você sentir como se ninguém se importasse 
Porque ela cega sua alma 
Te impede de enxergar 
As maravilhas que o mundo tem pra oferecer
Mas não é sua culpa 
É culpa da dor
Ela não quer curar, só ferir
Por isso te faz cego para as coisas boas da vida 
Mas espero que você saiba
Que a dor está te usando 
Embora tudo pareça escuro e frio
Saiba que a dor não pode vencer
Você é mais do que a sua dor 
Você é incrível
Você tem o direito de sentir
As vezes a vida é dura e sentimos os excessos 
Mas você deve saber 
Que por trás dessa dor
Existem olhos que irão enxergar um mundo tão lindo
Cheio de possibilidades
Que você só irá ver e sentir completamente 
Porque você já presenciou o ruim
Você já desceu em lugares que ninguém imagina existir 
Você já conheceu o fim do poço de maneiras múltiplas e inúmeras 
E é por isso
Que quando a luz chegar
Você vai reconhecer
Você vai reconhecer a felicidade e saber quão incrível ela é 
Você vai valorizar a sua vida
Porque sabe o quanto aquela pequena luz é preciosa
Você vai enxergar a felicidade onde ninguém mais ver
Você vai ver a alegria em coisas pequenas
Você vai sentir a vida de forma nova
Eu sei que parece difícil agora
Mas você é incrível
Passar por tudo isso não é fácil 
Mas olha onde você já chegou 
Vamos dar uma chance
Te garanto que vai ser incrível
                                                                      (Manuh Alves)

Serviço de apoio à vida no Brasil
CVV (Centro de Valorização à Vida)
www.cvv.org.br
Telefone: 141 para todo o Brasil ou por chat ou e-mail no site.

7 comentários

  1. Oi, Manu!
    Já li dois dessas indicações. Amo muito o livro Por Lugares Incríveis.
    Os 13 Porquês é outro que gosto bastante. :'(
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Bom, eu assisti a série dos 13 porquês e li Perdão Leonard e acho que este tipo de tema deve ser abordado sempre porque o mundo está cada vez mais esquisito e eu mesma já passei por esta questão e sei o quanto é difícil lidar.

    Greice

    Blogando Livros

    ResponderExcluir
  3. Oi, achei bem legal seu post! É importante pra divulgar livros e o mês que é tão importante, principalmente na vida de pessoas que sofrem com isso. Dos livros citados, já li: Por lugares incriveis, os 13 porquês e pretendo ler A lista negra. Os livro que li são otimos, apesar de não ter gostado muito da adaptação de os 13 porques.

    www.porredelivros.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Manu!

    Acho super importante falarmos sobre o suicídio, pois é um assunto extremamente importante e muitas pessoas sofrem por causa de diversos motivos e acham que essa é a solução.
    Dos livros que você citou, só li a Lista Negra e eu achei excelente. Favoritei e acho muito bem escrito e retrata muito bem o mal que o bullying causa nas pessoas que sofrem. Esse mês, para o Setembro Amarelo, lerei Por Lugares Incríveis e espero gostar, pois só ouço críticas positivas.
    Outro livro que li e que trata desse assunto foi Eu Estive Aqui da Gayle Forman. Achei ótimo, bem escrito, trata do assunto de um jeito cuidadoso e mostrando os dois lados - de quem cometeu o suicídio e dos familiares, amigos e namorado que ficaram. Recomendo se você ainda não leu!
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Excerto Perdão, que até então eu não conhecia, todos os outros estão na minha lista. Bem... 13 Porquês não. Li até a metade junto com a série mas sofri tanto assistindo que não quis repetir a dose para economizar lagrimas. O resto, tenho muita vontade de ler. Por lugares incríveis principalmente! Parece ser sensacional e muito emocionante, espero ter a oportunidade de lê-lo em breve.

    ResponderExcluir
  6. Oi. Tudo bem?
    Nossa, essa campanha que começou em 2014 é muito importante. É até uma forma de salvar vidas. Assim como você, eu também gosto de ler livro sobre a temática. Já tive a oportunidade de aprender muitas coisas lendo livros que tratam de alguma forma sobre o suicídio. Ainda não tive a oportunidade de ler todos os livros que você citou, mas tenha vontade. Deles eu já li, Os 13 porquês e O Última Adeus e gostei muito deles. Depois de ler um pouco mais sobre os outros fiquei com vontade de ler também. Espero conseguir fazer isso em breve.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  7. Olá...
    Adorei essa campanha! Acho que quanto mais falarmos mais podemos abrir a mente de várias pessoas de vários lugares e quem sabe mudar um pouquinho em cada um, né?
    Adorei a sua seleção, já li os livros 1, 2 e 3 de sua lista e, inclusive, todos eles estão favoritados no Skoob! Os demais pretendo ler em breve <3
    Bjo

    ResponderExcluir