RESENHA || INSÔNIA

Título:  Insônia (Nefilins 01) | Autora:  Mari Scotti Editora: Amazon 
Ano: 2015 | Páginas: 324

            
     Avaliação:  
Onde comprar: Amazon 
Suzanna foi a única sobrevivente do acidente que matou seus pais, salva por alguém que ninguém acredita existir. Quando está perto de completar dezoito anos, coisas estranhas passam a acontecer envolvendo este homem misterioso. Dois rapazes surgem em sua vida, que parecem saber muito mais sobre ela do que revelam. O que ela desconhece é que uma simples escolha poderá alterar o destino de sua alma.


“Olhe para mim, somente para mim!”

A palavra chave para definir esse livro é mistério.
Com um enredo leve, uma escrita fluida e personagens cativantes, a Mari nos conquista e nos envolve na história de uma forma tão genial que fica impossível largar o livro até que ele termine, ou melhor dizendo, nem depois que ele termina. 

Em Insônia somos apresentados a Suzana, uma jovem de 17 anos que foi criada pelos avós ainda pequena, pois os seus pais faleceram em um acidente de carro quando ela tinha 8 anos, no qual também se encontrava, mas graças a um misterioso alguém, sobreviveu a ele ilesa. Desde então, Suzana sente que algo misterioso acontece em sua mente, além da sensação de estar sendo observada em alguns momentos ela também ouve vozes, tem pesadelos estranhos e todas as noites por volta das 3 da madrugada acorda e não consegue mais dormir. Essas sensações estão cada vez mais intensas com a proximidade dos seus 18 anos. 

"A noite é mais atrativa, pois o silêncio nos deixa pensar, sonhar, mesmo que — no meu caso — acordada."

É através desses momentos de insônia que conhecemos Pietro, um homem lindo e misterioso que mudou recentemente para a casa ao lado, justamente a que possui o belo jardim e a árvore na qual todas as noites, após perder o sono Suzana vai para ler. 

Movida pela beleza do rapaz, sua aura misteriosa e por seus hormônios adolescentes Suzanna sente-se, logo, atraída por ele. Por outro lado, Arthur também surge em sua vida, tão belo e misterioso quanto Pietro e bem menos sutil que ele; revela estar completamente apaixonado por ela. Mas como pode alguém que ela acabou de conhecer já amá-la tao intensamente? Aos poucos ela vai descobrindo que eles já se conhecem e que ambos guardam segredos sobre sua vida que ela mesma desconhece. Ela também descobre que eles na verdade são anjos e que ambos estão apaixonados por ela.


"Sabia que precisava ficar sozinha para entender a enxurrada de informações. Porque nada parecia encaixar, nada fazia sentido. Se meu avô sabia, porque deixou um estranho contar minhas origens? Porque Arthur e Pietro estavam brigando? Seriam eles naquela foto? Claro que não, afinal anjos não têm infância, ou tem? E por que deveria tomar cuidado com Arthur?"
Os mistérios da vida Suzana se desenrolam ao longo da história. E, a Mari consegue nos prender cada vez mais a nossa atenção. Quando achamos que estamos finalmente desvendando os mistérios a Mari dá uma reviravolta, e nós vamos ficando tão confusos e curiosos quanto a própria Suzana.

Insônia foi um livro que me prendeu. Suzana é uma típica adolescente, o ambiente escolar, a melhor amiga, os hormônios da idade, a indecisão, são características que tornam a personagem bem real o que nos aproxima cada vez mais dela. Pietro e Arthur são bem opostos, mas não tem como não se encantar com ambos. À sua maneira, eles tentam mostrar a ela que a amam e que além de protegê-la- inclusive deles mesmos. Seriam capazes de renunciar a tudo por ela. Só que apenas um é um anjo do bem, com um pertencente ao céu e outro ao inferno, além de tentar descobrir os mistérios que envolvem a sua vida, Suzana tem que decidir por qual dos dois está realmente apaixonada, e escolher entre o céu e o inferno pode não ser tão fácil quanto parece.

Como eu disse antes, me prendi muito nessa leitura que é fluida, leve e cheia de segredos. Se você gosta de fantasia repleta de tudo isso, e com uma boa pitada de romance, esse livro é para você. Eu li e amei. Aguardo ansiosa a oportunidade para ler o restante da série. Se eu recomendo essa leitura? Sem sombra de dúvida!
SOBRE A AUTORA



Paulistana. Nascida em 22 de fevereiro de 1980. Formada em Recursos Humanos pela faculdade das Américas. Aprendeu a amar a literatura desde a infância quando sua mãe lhe mostrou um livro que estava escrevendo. Apoia sem reservas a literatura Nacional. Já gravou CD, compôs e hoje dedica a maior parte do seu tempo aos personagens. Autora dos livros Híbrida – série Neblina e Escuridão pela Editora Novo Século e Insônia, série Nefilins. Criadora e administradora da fanpage de literatura nacional: Literatura Nacional BR e do Blog Coração de Papel. Responsável pela Semana do Livro Nacional no Estado de São Paulo desde 2014.

Nenhum comentário