RESENHA || DOCE AMARGO



Título: Doce Amargo| Autora: Evelyn Santana |Editora: Coerência
Ano: 2016| Páginas: 441

Avaliação:
Melinda é uma garota que não conhece suas origens, tendo sido abandonada com pouco dias de vida em um orfanato, onde se apaixona por uma ilusão, um rosto em uma foto no jornal: Robert Blackwell, um promissor empresário que fez uma doação para o orfanato onde ela morava.
Anos mais tarde, Linda consegue se reerguer, estudar e garantir um bom emprego na empresa de Robert.
Um acidente faz com que se encontrem. A ganância dele os aproxima. E o amor sela tudo.



Um romance intenso. Imprevisível. Viciante. É assim que defino Doce Amargo, impossível não desejar cada capítulo como se fosse o último.


Melinda é uma garota simples, que foi deixada em um orfanato nos primeiros dias de sua vida. Mas ela não se deixou abater, e mesmo tendo uma infância conturbada, vivendo provisoriamente em diversos lares, cresceu e se tornou uma mulher independente. Por outro lado, ela guarda em segredo: a foto retirada do jornal, de seu grande amor-um empresário que fez uma ótima doação para o orfanato no qual ela vivia, pouco antes dela fugir de lá. Linda jamais esqueceu aquela doação. Jamais esqueceu aquele empresário, que mais tarde se tornara seu chefe.

“Eu Melinda Calle, amava Robert Blackwell com cada partícula do meu ser, só não estava certa do quanto ele poderia me amar de volta” p.226

Robert Blackwell, é um empresário de muito sucesso, que carrega o peso de não ter recebido muito afeto durante sua vida, apenas sua mãe e sua irmã o amaram e foram por ele amadas, apenas elas. Robert odeia o pai, desde a morte do seu irmão gêmeo (a autora matou ) esse ódio aumentou e piorou muito depois de sua morte. O pai dele deixou no testamento uma cláusula que não agradou nem um pouco a Robert: para que ele herdasse a empresa do pai, teria que se casar em três meses, caso contrário toda sua fortuna e bens iria passar para sua ex-amante e seus filhos bastardos.

Ele se mantém irredutível diante disso. Ele está decidido a não abrir mão da sua liberdade para obedecer os caprichos de seu pai,  nunca atendeu e não seria agora que iria fazer isso. Mas algo inesperado acontece: Robert atropela Linda, e enxerga nela a vingança perfeita para a exigência de seu pai. Seria ele capaz de enganá-la pela ganância de ter toda a herança para si?

“Meus olhos encontraram os seus. Eles eram de um tom espetacular de verde. Intensos. Chamativos. E ,ainda assim, frios e distantes.” p.43



Doce Amargo é um livro que me cativou desde o inicio. Tive o prazer de participar das Primeiras Impressões, e não via a hora de ler a obra por completo. Mais que uma simples leitura, DA (Doce Amargo) transporta o leitor para um mundo no qual a inocência e malícia se encontram, e nos mostram que nem sempre o amor pode transformar, principalmente quando a permissão para o amor está trancada.

Os personagens são muito bem construídos (até os secundários), e com uma personalidades marcantes. É impossível não amar as personagens como Lizzie (irmã de Robert) e Sophie (sobrinha), elas são muito cativantes (principalmente Sophie, quero pra mim).
Um ponto que me agradou, que foi a crescente amizade entre Christine e Linda. Elas não são muito amigas no inicio do livro, mas em meio a uma adversidade (já no fim do livro) a amizade entre as duas se acentua,e isto é muito legal! Espero que essa amizade se desenvolva ainda mais no próximo livro.

DA é um livro encantador. A cada página sofremos, amamos, e odiamos juntos com os personagens, ansiando pelos próximos acontecimentos freneticamente. Você gosta de romances esse livro é para você, mas se não gosta tenho certeza que Doce Amargo irá te fazer amar. Preciso dizer que a capa está maravilhosa, assim como a diagramação com detalhes lindos em cada capítulo! Ah, a  revisão está impecável. 

PS: A Evie é muito atenciosa, e me respondeu com muito carinho quanto a chateei por horas no whattsapp! Ela é um amor.



“[...] é engraçado como não se pode obrigar um coração a não ter mais esperanças.”
Sobre a autora:

Evelyn Santana se apaixonou ainda bem cedo pela literatura, mas foi apenas quando conheceu o autor Sidney Sheldon que decidiu entrar para o mundo da escrita. Escreveu seu primeiro livro com 16 anos de idade e hoje, aos 22 anos, cursa Letras e trabalha como revisora. Doce Amargo é seu romance de estreia.








25 comentários

  1. Achei a capa linda! Adorei a sua resenha, você fez o livro parecer incrível! Parabéns!
    Beijos!

    http://www.as365coresdouniverso.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Amo muito esse livro, louca para ler DA2. a Evelyn sabe lacrar como ninguém. Adorei a sua resenha!!

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Eu nao conhecia esse titulo e nem a autora, mas fiquei bem interessada depois de ler seus comentários e a premissa parece ser ótima, deve ser bem cativante pelo que pude compreender. Fiquei bem curiosa quanto ao desenvolvimento, seja pela parte da ambientação quanto personagens, entre outras características. É um gênero que chama muito a minha atenção, um dos que eu leio com frequência na verdade, e pelo que pude compreender por aqui, os elementos são ótimos. Espero poder ler em breve, e obrigada pela indicação! Capa linda demais ♥
    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  4. Oi
    Não conhecia o livro, mas só pela sinopse já tive vontade de ler.
    Gostei muito da forma como a história se desenvolveu e as personagens parecem ser maravilhosas mesmo. Sem falar na carga dramática que envolve toda a trama.
    Há tempos não leio um romance assim, mas já anotei a dica.
    Ótima resenha;
    Beijinhos
    Rizia Castro - Livroterapias

    ResponderExcluir
  5. Oie, tudo bem?
    Me interessei bastante nesse livro! Adorei o ritmo da narrativa, e todo o contexto que envolve personagens que achei muito interessantes. Darei uma chance quando tiver a oportunidade!

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Já tinha lido uma resenha desse livro antes, e pelo o que me lembro, a blogueira que o resenhou também adorou. Mas eu ando tão chata com romances ultimamente... Não só para lê-los, pois estou lendo bem poucos em comparação à quantidade que lia antes, mas para criticar mesmo...haha'
    Até tenho curiosidade de ler "Doce amargo", mas não acho que este seja o momento certo. Fico feliz em saber que, além de construir e desenvolver muito bem a história e os personagens, a autora ainda é muito atenciosa :)
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Gente que loucura,
    Já quero esse livro pra ontem, quando penso que perdi a oportunidade de lê-lo me da um odio de mim. Eu estava em um grupo de leitura que ia rolar o book tour desse livro, mas acabei saindo porque estava muito sobrecarregada e não ia conseguir ler os livros do grupo, agora vou correr atrás de comprar o meu, porque amo esse tipo de trama e já prevejo altas descobertas.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Eu li o título e achei que fosse aquele livro da Dulce Maria, haha.
    Já vi a capa desse por aí, mas confesso que não me chamou atenção, embora suas reações me deixaram curiosa pra saber como a trama faz sentir tudo isso, haha. Acho que só lendo pra descobrir.
    Quem sabe não dou uma chance?

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia nem autora nem o livro.
    Me apaixonei pela capa e sinopse é tua resenha ficou incrível.amo livro com esta pegada o contexto e a narrativa dele parece se incrível.
    Vou ler imediatamente e volto para contar o q achei rsrs

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia essa obra, mas parece ser interessante. Embora me lembre um chick-list, um gênero que não é muito o meu estilo. A capa e interior realmente são belos, gostei! Dá vontade de ter o livro pela beleza dele, pelo enredo não sei, mas quem sabe um dia passo por ele e resolvo comprar e goste. Vou anotar aqui a dica. Bexitus!

    ResponderExcluir
  11. Oie nossa gente que livvro lindo!!

    Sou apaixonada por romances... e eu simplesmente me encantei pela sua resenha... To precisando de um livro doce e encantador como esse parece ser.

    Dica mais do que anotada.

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Eu não conhecia o livro, mas como amo romance, anotei a dica. Tenho medo de não gostar, porque fico ansiosa, com medo de rolar algumas ações abusivas em relações onde o cara tem que casar forçado ou acaba usando a garota. Mas mesmo assim anotei, porque sua resenha ficou muito boa e eu estava mesmo procurando algum romance para ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu ainda não conhecia o livro, mas o que de fato mais me chamou a atenção nele foi que o amor nem sempre pode transformar, e acho essa uma mensagem muito poderosa e importante que o livro tem para passar. Adorei poder conferir a sua resenha, e essa dica está super anotada, espero curtir a obra tanto quanto você.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Olá, primeira resenha que leio do livro e achei a premissa dele bem interessante. A Linda seria a personagem inocente, no caso? Me parece que tanto ela quanto o protagonista masculino tiveram relações familiares complicadas, mas cada um lidou com isso de forma diferente.

    ResponderExcluir
  15. Que premissa diferente, parece ser bem instigante. Gostei do fato de que mencionou que a história tem personagens marcantes e bem construídos, isso é essencial em um livro, faz ele melhorar 100%! Adorei a sinopse também, com certeza lerei esse livro futuramente, sua resenha ficou incrível!

    ResponderExcluir
  16. Ameeii que história hein! Parece ser personagens bem interessantes e a premissa bem envolvente. Adorei esse romance com certeza vou ler... Bjs http://fonte-da-leitura.blogspot.com.br/?m=1

    ResponderExcluir
  17. Não conhecia o livro, mas acho que não leria. Achei o enredo muito batido, sabe? Já li diversos livro com o enredo parecido, então estou meio saturada.
    Mas fico satisfeita por ter sido uma leitura prazerosa pra você. Espero que o próximo volume (ou os próximos volumes) siga o mesmo ritmo e também te agrade.

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. O projeto gráfico do livro está lindo demais, porque tanto a capa quanto a diagramação interna estão muito caprichadas. A história me pareceu interessante e eu espero poder ler em breve.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá!!

    Como diria minha amiga, esse livro é a minha cara. Fiquei bem curiosa sobre a história e seu desenrola. Vou anotar para ler depois.

    Beijos e Sucesso!!!

    ResponderExcluir
  20. Olá Ítalo,
    Ainda não li esse livro, mas tenho muita vontade, pois só vejo elogios para essa obra de todos os lados, incluindo das parceiras da editora.
    Tenho meu exemplar no Kindle e acho que ele vai passar na frente de todos, porque né?
    A Melinda é uma personagem que já amo sem conhecer completamente. Essa editora arrasa na diagramação e revisão.
    Vou super anotar a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Olá!!

    Essa é a primeira vez que estou vendo esse livro é sobre a autora. Gostei bastante fa capa, realmente é muito bonito e chama a atenção.
    Gostei muito da trama apresenta por meio de seus comentários, embora eu achei um pouco semelhante com Procura-se um Marido, da Carina Rissi.
    Fiquei curiosa quanto a ambientação e construção dos personagens. Obrigada pela dica!

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9¾

    ResponderExcluir
  22. Olá, tudo bom?
    Não conhecia esse livro, mas já quero ver esta mistura de malícia e inocência. Fiquei muito curiosa para conferir esses personagens marcantes e cheios de personalidades, até mesmo os secundários. Adoro muito personagens bem construídos. Já anotei a sugestão, pois quero conhecer muito esses personagens que nos despertam tantos sentimentos conflitantes. Amo um bom romance e por tudo o que disse, este parece ser um destes. Ótima resenha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi, tudo bem?
    Tenho visto muitas pessoas comentando sobre esse livro, mas ainda não decidi se quero ler ou não. Apesar de ver muitos elogios, achei a premissa bastante clichê e o Robert parece ser o tipo de mocinho que eu não simpatizo nem um pouco.
    De qualquer forma, gostei de ler sua resenha e ver que você gostou tanto do livro. Até me deixou com um pouco de vontade de ler o livro, embora não faça o meu estilo. Em todo caso, deixarei a dica anotada.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Oi!
    Achei a premissa da obra um pouco peculiar, e talvez um pouco interessante.
    Mas me incomodou um pouco saber que a mocinha por mais que teha crescido e se tornado independente parece ser um pouco inocente por causa dessa tal doação, e o rapaz só querer usar ela para conseguir seu dinheiro.
    Enfim, a primeira impressão que o livro me passou pode ter sido errada, mas acho que não iria curtir a história

    ResponderExcluir
  25. Ooi,
    Adoro a capa desse livro mas não sabia do que se tratava até ler sua resenha! A premissa me chamou a atenção e eu espero conseguir ler em breve.
    A Coerência sempre lança livros tão lindos <3

    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir