RESENHA || BLOGUEIRAS.COM



                                          
Título: Blogueiras.com | Autoras: Adrielli Almeida...| Editora: Independente | Ano: 2017| Páginas: 200
Oito histórias. Oito protagonistas. Uma paixão em comum: blogar!
Nas páginas desse livro, você conhecerá oito garotas diferentes com um sonho em comum. Seja falando de livros, música, comportamento ou viagem, tudo o que elas querem é compartilhar interesses e fazer novos amigos. No caminho, contudo, elas descobrirão que a blogosfera tem muito mais a oferecer. Embarque com elas nessa aventura e viva o sonho intensamente. Bárbara, Amanda, Mafalda, Valentina, Lilia, Helena, Aline e Clara vão te surpreender.
” – Às vezes, é só isso que precisamos, quebrar o casulo ao nosso redor e sair voando pela vida como uma linda borboleta colorida.”

Foi quase impossível não se apegar a leitura da obra Blogueiras.com, organizado pela queridíssimo blogueira e escritora, Thati Machado. O livro reúne uma antologia de contos escritos por blogueiras e booktubers. Cada conto tem a sua peculiaridade, mas estão munidos com algo em comum: A blogosfera. Apesar da reunião de blogueiras, é possível destacar a maneira como cada uma inseriu a sua personagem no livro e na blogosfera, não sei, se/talvez, uma dessas narrativas ou todas elas são reais, mas posso dizer que as personagens são humanas e por algum motivo entraram nesse mundo concorrido e mágico. Vou destacar alguns que chamaram a minha atenção pela temática e simplicidade no desenvolvimento da narrativa.


Arrisque-se é o conto de abertura escrito pela Mariana Mortani, em que a personagem principal Bárbara é uma blogueira famosa. Ela é brasileira e foi convidada pela Netflix para realização de alguns trabalhos. Nessa viagem, ela irá conhecer Peter, um cara lindo e charmoso por quem se apaixona. No entanto, as aparências enganam, não é legal confiar na casca de alguém. Peter se demonstra diferente daquilo que apresentou ser no inicio.

O conto seguinte é um dos meus favoritos! Sentimentos às avessas, escrito pela Larissa Azevedo, traz como protagonista a Amanda (minha xará- haha). A menina é jovem e em alguns momentos passa a imagem de uma moça sonhadora, mas ela sofre de depressão, e o pior de tudo é que diversas vezes no dia, ela planeja o seu suicídio. O seu terapeuta aconselha que ela escreva tudo que sente e como se sente em um diário (nessa parte da leitura não pude deixar de perceber a intertextualidade com o livro O último adeus, que trabalha a mesma temática). Amanda acatou a ideia do seu terapeuta, mas adaptou-a para o meio virtual. Ela cria um blog, onde compartilha seus momentos diários com suas leitoras (me senti leitora da Amanda, e fiquei comovida com a situação dela).

O mais interessante nesse conto é que a Larissa nos mostra como a Amanda percebe que suas leitoras a apoiam. O blog que funcionou como válvula de escape, agora faz parte do mundo dela. Ela entende como é importante interagir com o outro, e que há pessoas que se importam com o que nos acontecesse, e até mesmo passam por situações como a da Amanda, mas que não tem coragem para compartilhar. Larissa, mulher! Você não poupou suas leitoras nem um pouco ao mexer com nossa realidade e traduzi-la em palavras! Parabéns.

Outro conto maravilhoso e divertido foi TT, escrito pela Adrielli Almeida (nossa parceira-que me proporcionou a leitura dessa obra maravilhosa). Lila é a protagonista desse conto. Atrapalhada e divertida ela arrancou boas risadas. A sua irmã é vlogueira e precisou cobrir um evento de K-pop, mas não poderia deixar o seu filho sozinho e pede para Lila ir em seu lugar. Para piorar a situação, em seu crachá existe um errinho, e mal sabe ela o que isto pode ocasionar. Com toques de humor e diversão, percebemos que a vida é criativa ao nos pregar as melhores e maiores peças. 

A autora tem uma escrita leve e divertida. Por menor que seja o meu conhecimento sobre K-pop me senti convidada a embarcar no mundo de Lila e as obrigações de se manter um "vlog". Não é fácil deixar as pessoas atualizadas sobre nossa rotina.

Não poderia deixar de citar outro conto maravilhoso: Perfeição em Existir, escrito pela blogueira e autora Thays M. de Lima. Nele, a personagem Helena realiza uma viagem para Gramado-RS ( um sonho), e conhece locais históricos. Dentre vários passeios, o Museu de cera é o mais marcante, porque lá ela conhece Enzo- ex-ato - que sofreu um grave acidente e teve sua aparência física afetada. Com a ajuda de Helena, aos poucos percebe que a verdadeira beleza estar em existir. Helena passa a entender a dor de Enzo e compreender que a verdadeira perfeição está dentro de nós: a nossa essência.
“- Se todos nós fossemos de cera ao invés de carne e osso, poderíamos nos moldar, não haveria imperfeições.
– São as nossas imperfeições que nos moldam.”
A Thays é aquela autora que ao criar romances tira a palavra "clichê" do seu vocabulário e coloca em voga temas que estão dentro da nossa realidade. A leitura desse conto foi incrível, pois eu me senti na pele da Helena, e passei horas imaginando a força que ela deu ao Enzo em tão pouco tempo. Isso me mostrou o poder que uma pessoa tem sobre a outra, a Perfeição em Existir!

Outros contos como A vida me trouxe, da Raffa Fustgano, trabalha com a questão de sentimentos acabados e a dificuldade que temos para nos reeguer. Do mesmo modo em Segredos da valentina,  que acompanhamos a situação complicada da Valentina ao vivenciar o término do seu namoro. Ela é uma youtuber que mostra toda sua vida através das câmeras, inclusive o seu namoro. Os fãs shipavam o relacionamento. Ao saber do término ficaram pasmos! Há outra situação nada agradável: ela é vitima de agressão, por parte de um ator famoso, o que gera vários comentários e corações divididos.

O conto Canal da Aline Cordeiro, escrito pela Mari Scotti me chamou a atenção por resgatar a questão de buscar os seus sonhos, mas que tudo se torna difícil quando temos um filho. Isto porque a youtuber Aline é famosa e tem uma legião de fãs, mas o sucesso estourado (por pura obsessão) acaba afastando-a do seu filho. Ela sabe que não é certo e e entra em um paradigma complicado. 

Em Conversas literárias, escrito pela Teca machado, conhecemos a Clara, dona de um blog: Starbooks, e o momento de sua criação. Foi um dos contos que mais me identifiquei por notificar a vivência da Clara com o mundo literário. Desde a decisão de criar o seu espaço, até a produção de um conteúdo que atraísse aos seus leitores. Até a parte de ser arrancada para dentro de um livro e viver sua própria estória literária me deixou em risos.


Blogueiras.com reúne diversos gêneros que atraem a todos os tipos de público, por trabalhar desde estórias que tem o teor de realidade até narrativas fantasiosas e divertidas. Não escolho um como preferido, porque o livro em si tornou-se o meu xodó! Sabe aquela música: "eu só quero um amor, que acabe o meu sofrer... um xodó para mim, com seu jeito assim, que alegre o meu viver." se encaixa perfeitamente com a leitura da obra. 

Não tive a oportunidade de ler o físico, mas o amor é o mesmo. Pelas fotos que vejo em outros blogs, a diagramação está belíssima. Do mesmo modo que a revisão feita está impecável. Este é um livro que você se joga e não quer parar mais. Além de trabalhar com o mundo das blogueiras, ela trabalha temas que refletem sobre o modo como estamos vivendo a nossa vida. Então, se permita e leia Blogueiras.com.

Já podem dar continuidade aos contos!


8 comentários:

  1. Ei Nanda tudo bem?
    Eu amei essa capa mas confesso que passo looonge de conto. Kkkk.
    Pra mim sempre falta alguma coisa na leitura, sei lá.
    Não dá pra mim.
    Mas que bom que vc gostou tanto!!!


    Beijos
    Anne
    Literatura Estrangeira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem sim...
      A capa é linda mesmo e o conteúdo melhor ainda. Eu não lia contos também Anne, mas passei a me adaptar e apreciar certos gêneros com essa tipologia textual.
      Beijos

      Excluir
  2. Gostei da sinopse do livro, vou procurar mais sobre ele depois, parabéns pela resenha.
    http://diarioleitorblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Adorei!!! Fiquei muito feliz de achar k-pop envolvido, quando vi "TT" já me veio um pensamento sobre k-pop mas não fazia ideia de que realmente foi abordado. Muito bacana!

    Um beijo, Carol
    Blog com V.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É difícil de achar nesse tema mesmo. Principalmente porque é novo e atual. Outra autora também que escreve muito sobre essa tema é a Babi Dewet. Não sei se ouviu falar.

      Excluir
  4. Preciso muito ler esse livro, principalmente por eu ter a mesma paixão que elas! Parece interessante! Parabéns pela resenha!
    Beijos!

    http://www.as365coresdouniverso.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é uma leitura com uma receptividade enorme para o nosso mundo. Ainda mais livros de contos, que nos deixam sempre abertos a continuações.

      Excluir

® Faces em Livros | Layout por A Design - Ilustração por Graciele Paiva