ENTREVISTA || AUTORA TATIANE RODRIGUES

COM TATIANE RODRIGUES





SOBRE A AUTORA:Tatiane Rodrigues nasceu no dia 03 de novembro de 1998, em Marília, uma cidade do interior de São Paulo. Estudante da rede pública, espera transmitir lições e salvar pessoas com a literatura. É apaixonada por palavras e sonhos desde a infância e anseia em cursar Letras ou Jornalismo. Há alguns anos, acreditou no impossível para viver em um mundo de prospectos.



1. O que te motivou a escrever o seu livro?
Situações de bullying que sofri quando tinha dez anos. Escrever sempre foi minha paixão, mas aos poucos, também se tornou meu alicerce. Graças à escrita, superei dificuldades e deparei-me com os sonhos. Fui salva pelas palavras e acolhida pelas letras para então, juntar-me a elas. No início de 2008, tornei-me história e sonho, sendo guiada pelos livros e pelas palavras. Prospecto nasceu poucos anos depois e, inconscientemente, renasci junto com ele.

2. Você tem algum autor ou livro que te incentivou/incentiva a escrever?
J. K. Rowling sempre me inspirou. Ela me levou a lugares que jamais ousei conhecer, mostrou o real significado da amizade e ensinou que sonhos são possíveis. Graças a Harry Potter, conheci Hogwarts e vi o quanto a magia pode ser poderosa — ainda mais quando elas são letras impressas em um livro. Suas palavras me guiaram por muitos anos, dando forças quando mais precisei e sendo meu alicerce. Posso não ter recebido minha carta de Hogwarts e não ter entrado na Grifinória, mas jamais deixei de ser bruxa. Quando J.K. foi recusada por diversas editoras, ela continuou acreditando no impossível e lutando por seus objetivos e isso me inspirou durante anos.

3. Ao iniciar o caminho como escritor literário o autor sempre busca definir um gênero para seguir. Como se deu a sua busca por essa escolha? Foi difícil?
Sempre acreditei na magia e no poder da imaginação. Os gêneros fictícios teceram minha infância e adolescência, então não foi realmente difícil escolhê-los. Eles já eram parte de mim quando leitora e fazem parte de mim, hoje, como escritora.

4. Como nasceu Prospecto?
Sei que pode soar clichê, mas a ideia de Prospecto surgiu através de um sonho. Enquanto sonhava, deparei-me com a protagonista da história e com uma de suas cenas. Lembro que ela me encarava fixamente, quase desafiadora. Quando acordei, minha mente trabalhava rapidamente com as ideias. Não escolhi escrever esse livro — ele me escolheu. Anne me escolheu entre tantas pessoas e confiou a mim sua história. O olhar que ela me dirigiu naquela noite foi a constatação que eu precisava para acreditar — nela e, principalmente, em mim mesma. 

5. Para criação dos seus personagens houve inspiração em pessoas do seu convívio?
Sim. Inicialmente, baseei os personagens em pessoas que conhecia. Muitos personagens tornaram-se parecidos com amigos e familiares, contudo, ganharam vida diante das palavras. Eles passaram a tomar as próprias decisões, ter autocontrole de seus atos e diferenciar-se dos "auter" egos da vida real. Acabaram, inconscientemente, puxando as rédeas das minhas mãos e escrevendo as próprias histórias.

6. Como você escolhe o nome para os personagens? Você leva em conta o significado do nome para enquadrá-lo à personalidade deles ou usa nomes de que gosta?
Geralmente, levo em conta o significado do nome. Daiane, por exemplo, apareceu para mim em um sonho e significa divina. Alex, um dos personagens da história, significa "repelir”, “defender” ou “proteger". Há nomes que não tem significados específicos, mas gosto de pesquisá-los antes de dar vida às histórias. 

7. Qual personagem de Prospecto você mais se identifica? Tem algum personagem que apresenta características suas?
A protagonista de Prospecto sempre me encantou e é a personagem com que mais me identifico, parecendo-se comigo em alguns aspectos. Daiane Campbell é sonhadora e luta por seus objetivos, fazendo de tudo para realizar seus sonhos. Ela admite ter erros, defeitos e jamais se autointitula heroína. Mesmo tendo pensamentos negativos, faz de tudo por seus amigos e por aquilo que ama. Acredito que sua luz possa salvar mais pessoas do que imagina

8. Sabemos que você já conclui o segundo livro da série. O que os leitores podem esperar em Espectro?
Espectro é uma obra mais profunda do que Prospecto. Os leitores se depararão com mais sentimentos, expressividade e detalhes sobre o mundo da trilogia. Todos os elementos fantásticos que criei possuem segredos que serão revelados pouco a pouco aosleitores. Vocês verão que os personagens, assim como a autora, evoluíram e farão de tudo para transmitir sua luz. A mensagem que passei em Prospecto, de que nunca devemos desistir de nossos sonhos, está mais ampla e objetiva do que nunca. O Atemporal, universo ambientado na série, está mais bem estruturado e repleto de desafios. Os Espectros, que dão nome à obra, podem ser o início e o fim de nossa protagonista.

9. Quais são os próximos projetos além da série Prospecto?
No momento, tenho um projeto de romance que se passará em São Paulo, com personagens inovadores e um universo denso. Não posso dizer muito a respeito, mas já comecei minhas anotações a respeito do livro.

10. Nos indique três livros cuja a leitura você ache imprescindível para qualquer leitor.
Harry Potter, Percy Jackson e todas as obras de Jane Austen e Aghata Christie. 

11. Por último, que dica você daria para aqueles que estão começando a escrever?
A primeira coisa que eu diria seria não desista. Haverá muitos obstáculos em nossa vida, mas jamais devemos nos deixar abater. E se, por acaso, os empecilhos atrapalharem nossa caminhada, devemos enfrentá-los. Haverá muitas oportunidades, possibilidades e direções diferentes. O importante é seguir nossos sonhos e deixá-los nos guiar. O impossível não existe para quem acredite. 

Esforce-se ao máximo e dê seu melhor. Tudo o que é feito com o coração tem um grande significado — para você e consequentemente, para seus leitores. Revise quantas vezes lhe parecer conveniente, faça mudanças se for preciso, e dê vida ao seu mundo. A magia só acontece quando damos espaço a ela. Uma luz no fim do túnel ainda aparecerá em sua vida, por mais que, agora, só haja escuridão.
PROSPECTO
.

O impossível é só o começo.Daiane Campbell é uma garota apaixonada por livros e sonha com o dia em que possa encantar pessoas com suas histórias. O que não esperava era que fosse viver sua própria aventura irreal. Em meio à monotonia da cidade, descobre pertencer ao mundo dos Guardiões, pessoas que têm a missão de proteger o Tempo e abençoadas com dons excepcionais. Quando Michael Jones, um antigo Guardião, ameaça a estrutura desse mundo, Daiane terá que decidir a qual lugar pertence: aos Guardiões ou à vida real. Em meio à guerra, amores e contradições virão à tona e o impossível se torna a única chance de salvar a todos. A palavra Prospecto pode ser tudo o que precisam para vencer, mas também pode levá-los à morte.
Não deixem de conferir a resenha de PROSPECTO.



15 comentários:

  1. Muito boa a entrevista. Que bom que a autora pegou situações e experiências ruins para algo bom. O livro tá lindo. Desejo sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Conheci o livro Prospecto recentemente e curti conhecer um pouco da autora e do processo de criação. Muito fofa.
    E também gosto de HP (tia Rowling é mesmo sensacional), Austen e Agatha Christie. PJ eu gosto, mas não é taaanto. rs

    "Uma luz no fim do túnel ainda aparecerá em sua vida, por mais que, agora, só haja escuridão." ME ABRAÇA!

    Gostei da entrevista, de verdade! :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Já faz um tempo que tenho visto comentários do livro por ai e achei super interessante que seu esboço tenha se dado em um sonho onde a protagonista aparece para a autora!
    Gostei também de saber sobre os nomes dos personagens e como a Tatiane os escolhe de acordo com as características deles.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  4. Ai que entrevista maravilhosa, é sempre bom para conhecermos a autora e fico feliz que tenha sido nacional, adorando entrar aqui e ver tanta beleza, já conhecia a autora e o livro e pretendo ler.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bom?
    Parabéns pela entrevista, está maravilhosa! Gosto de conhecer autores novos e essas entrevistas ajudam muito. Adorei saber de onde veio a inspiração para escrever e também sobre os nomes dos personagens! Adorei. Parabéns!

    Beijos, Rob
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
  6. Que autora mais fofa.
    Sério, tô encantada com as respostas dela, dá pra ver o quanto a Tati foi verdadeira!
    O livro dela é um dos que estou louca para adquirir e conhecer um pouquinho ela, foi demais. Sucesso para você, Tati!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, salvar pessoas com a literatura? Espero que consiga. A autora é simpática e tem uma visão romântica sobre a literatura e visivelmente usa a escrita também como catarse, visto sua motivação.

    ResponderExcluir
  8. Sempre digo que a literatura pode salvar, uma vez que a usei como válvula de escape durante um período bem ruim pelo qual passei. Fiquei muito feliz ao ler entrevista. Desejo muito sucesso a autora. Seu livro está em minha lista de desejados!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Sempre digo que a literatura pode salvar, uma vez que a usei como válvula de escape durante um período bem ruim pelo qual passei. Fiquei muito feliz ao ler entrevista. Desejo muito sucesso a autora. Seu livro está em minha lista de desejados!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. É tão bom quando encontramos pessoas que se inspiram nas experiências vividas, né?
    Transforma em algo útil e compartilha <3
    Não conhecia a autora e já me encantei com o jeito dela..

    ResponderExcluir
  11. Oie
    o gênero que ela escreve não é um dos meus favoritos mas reconheço que deve ser algo bem difícil de desenvolver. Adorei a entrevista e saber mais dela e como foi escrever a obra, sucesso para ela

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Eu não conhecia a autora, mas senhor! Essa capa desse livro é a coisa mais linda que eu já vi na vida. Também gostei muito de conhecer mais sobre como ela começou a escrever, tive uma história bem parecida.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia o livro e nem a autora, foi interessante ver mais sobre ela. Achei as respostas interessante e o livro acabou entrando na minha wishlist.

    ResponderExcluir
  14. Oi, adorei essa entrevista com perguntas pertinentes e respostas interessantes.
    A capa do livro é chamativa e fiquei bastante intrigado pela história e pela paixão da autora.
    Lerei com certeza!
    Beijos, André
    Garotos Perdidos || Participe do sorteio da série Stage Dive no IG do canal

    ResponderExcluir
  15. Oie, tudo bem? Ainda não conhecia a autora, mas gostei bastante da entrevista. Sofrer bullying é horrível, imagina então sendo criança...tendo que conviver com isso e amadurecer. Fico feliz que ela tenha conseguido superar e transformar isso em sucesso por meio dos livros. Ótima entrevista. Beijos, Érika ^.^

    ResponderExcluir

® Faces em Livros | Layout por A Design - Ilustração por Graciele Paiva