CONTA UM CONTO|| ALL STAR AZUL #1



O Faces em livros é um blog dinâmico, voltado para a literatura e para os leitores, por isso a estreamos uma nova coluna: Conta um conto. Esse espaço é importante para abrir uma oportunidade aos leitores de contos, para que assim, leiam e se encantem com essa história linda. All Star Azul conta a história de dois jovens e suas escolhas, e o quão felizes eles podem ser com elas. 
#ConsideramosJustasTodasAsFormasDeAmor. Se você também considera vem com a gente acompanhar esse conto pra lá de especial.






Não é fácil está apaixonado pelo seu único amigo. Principalmente quando ele parece está apaixonado por outro cara, e insiste em falar sobre isso com você. David foi a primeira pessoa que se aproximou de mim quando mudei de colégio ano passado. Sendo o único gay assumido do Colégio Saint Luiggi, sempre sofri muito bullying, então minha família e eu decidimos que seria melhor mudar de escola. No Colégio Mont Write, eles têm uma política de tolerância zero ao bullying, e todos são respeitados por ser quem são. E foi aqui que conheci David.

Ele é uma pessoa incrível. Devo pensar assim porque estou apaixonado, mas, não ligo. No meu primeiro dia de aula, eu estava completamente perdido, ele me encontrou no corredor e me explicou onde ficava cada sala, cada corredor... Ele foi muito doce e atencioso. Não resisti e fiquei encantado por ele. Fiquei completamente feliz por ele ser gay. sabe, não é fácil se apaixonar por héteros e no meu caso isso já aconteceu várias vezes e, vai por mim,  não é nada legal.

O dia dos namorados está chegando, será daqui a mais ou menos duas semanas, e estou me preparando para dizer ao David o que sinto por ele. Não vai ser fácil, mas acho que já está na de colocar as cartas na mesa e abrir o jogo com ele. Bom, vamos ver no que vai dar essa história, tenho medo que ele queira acabar com nossa amizade, mas é um risco que tenho que correr. O que seria a vida sem os riscos? 

Temos prova de matemática hoje e estou indo para o meu armário pegar meu livro para da uma revisada final no conteúdo. David está parado na frente do meu armário. Ele usa um jeans preto, uma camisa na qual está escrito: "Hoje é dia de rock bebê!", um lenço branco no pescoço e o seu All star azul. Meu favorito. Deus sabe como ele fica lindo com esse All star azul.
- Bom dia! - Ele diz todo animado.
- Bom dia.  Respondo um pouco sonolento ainda. - Preparado pra prova?
- Claro! Eu sempre estou, não é? - Olho pra ele com os olhos semicerrados, e nós dois caímos na gargalhada.
- Sim. Você sempre está! - Falo ainda tentando recuperar o ar.

Depois desse momento hilário, já estamos indo pelo corredor que divide nossas salas essa semana. Em dia de prova, os professores optam por mudar determinados alunos para outras salas, a fim de evitar que os amigos passem as respostas uns para os outros. Sendo assim, David foi para uma sala e eu fui pra outra. Antes de nos separarmos, ele fala:
 - Tudo certo pra hoje à noite? 
- Claro! Já comprei o chocolate, o marshmallow e a pipoca. Não tem comensal da morte que nos impeça hoje. 
Dei uma risada que deveria ter soado maligna, porém, acho que não saiu como imaginei, devido a cara de "O que aconteceu com ele?" com a qual as pessoas estão olhando pra mim.
 - É assim que eu gosto! - Ele é tão natural e espontâneo, que seus olhos chegam a brilhar. - Às oito?
- Exato. Estarei esperando.

A cada dois meses, nós escolhíamos um dia pra ser  O Dia HP. Como somos potterheads assumidos, sempre nos juntamos nesse dia para assistir todos os filmes da série, e dessa vez será na minha casa. Estou super ansioso. Ficar sozinho com ele é muito tentador. Quem sabe ele não fale algo sobre nós dois quando estivermos à sós hoje à noite? Posso sentir meu coração acelerando os batimentos ao pensar nessa possibilidade.
Ele me abraça. E nos despedimos. Ambos seguimos para o matadouro  matemático. 

Continua...

E então, o que acharam? Fiquem ligadinhos no blog porque nos próximos dias teremos mais. Até a próxima!

28 comentários:

  1. O que mais gostei no enredo foi a questão dos personagens ser Potterheads... como não se identificar?
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Está ficando bom, Wesley. Continua que eu já estou esperando a segunda parte.

    Até logo
    Pedro Silva
    www.decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá!! :)

    Realmente, não esta mau...! E so por serem potterheads já vao bem! ahahah Caramba, mas ver tantas vezes os filmes..!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Olá! Você escreve muito bem! Mas me irritou quando seguei no final e percebi que tem continuação, anda logo menino, escreve rapidinho a segunda parte. Haha'Beijos'

    ResponderExcluir
  6. Oi Wesley,
    Adorei o texto/conto, sinceramente fiquei emocionada (porque eram potterheads, rsrsrs). E também porque faz tempo que não leio nada do gênero. Espero continuação, já salvei na barra de favoritos, não me decepcione ♥

    Beijos, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito da forma como você escreve. Parabéns! Quero ler a continuação!

    ResponderExcluir
  8. Muito bom! Parabéns continue assim, pois você escreve muito bem.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  9. Olá!!

    Adorei!!!Você escreve muito bem. Fiquei querendo saber o que aconteceu com eles rsrsrrsr. Parabéns!!

    Beijos!
    Ah, já curti a página e segui o blog, porque quem sabe você não nos conte o que vai acontecer com esses dois.

    https://pequenosinfinitosz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá Wesley, tudo bem?

    Gosto muito de contos, mas uma dica é escrever ele de uma "sentada" só. Fica mais fácil de acompanhar e não nos perdemos dentro dos capítulos, das divisões criadas por vocês.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi.
    Adorei a ideia da postagem, bastante significativa.
    O conto é bem fofinho, me diverti

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Aí que texto amorzinho! Já estive apaixonada pelo meu amigo e é uma sensação extraordinaria..o fato de os personagens gostarem de HP é um negócio a parte.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Legal isso de colocar um conto! Apesar de ser romântico - e eu realmente não gostar de histórias de amor, hahaha -, achei bonitinho. ♥

    Abraço!

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem??
    Adoro contos e esse parece ser bem legal. Só esse começo já me deixou bem animada para ler a continuação. Vou acompanhar e ler os próximos capítulos.

    ResponderExcluir
  15. Hey, Wesley!

    Tão legal essa coisa de comecinho de paixão, né? Será que ele(a) também sente o mesmo? Será que hoje falaremos sobre isso? Será isso? Será aquilo? rsrs
    A gente vive numa adrenalina pura nesses momentos.... ahahahaha.
    Tá fofo, continua!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Wesley!
    Gostei muito e fiquei curiosa para acompanhar a sequência desta história. Vou ficar torcendo para que o David se declare!!

    Beijos

    http://contosdacabana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi Wesley,
    Adorei sua escrita e como o enredo está se desenhando. Esse clima de romance e ainda com HP no meio. Já estou curiosa para a próxima parte.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  18. Oiiie
    meu deus, que conto com história complicada hahah gostei, as melhores historias são assim, parabéns, está muito bem escrito

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi Italo, que bom ler o seu conto aqui. Sobre ele devo dizer que gostei. Sua escrita é simples algo que gosto bastante. Amei o titulo dado a história e os personagens, apesar de você não descrever muito eles. Percebi que você ainda não disse o nome do protagonista, né? Mais enfim, será que nos próximos capítulos o David será surpreendido com uma declaração???? Esperando a continuação.

    Beijos
    ventoliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. que conto fofo. a única coisa que não gostei foi a de HP hahahaha
    mas a narrativa é bem leve e fluída.Acho legal tratar desse tema :D
    bjs...

    ResponderExcluir
  21. Ótimo conto, muito bem escrito e romanceado! Demorei a entender que era só um conto e fiquei esperando uma resenha e. XD

    Ler contos nao é muito a minha especialidade, mas gostei desse! É suave e fofo!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  22. o conto parece ser bem aconchegante, e adorei a ideia, dica anotada

    ResponderExcluir
  23. Oie, tudo bem?
    Essa semana já me peguei lendo vários contos, e o seu é mais um que eu gostei bastante de ler. A escrita é bem fluída e achei o conto bem fofo. ;)
    Parabéns! Escreva mais :)

    Bjs Mih!
    paradisebooksbr.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Oiee Wesley ^^
    Primeiramente, eu adorei o nome da coluna ♥ gostei da história, sou apaixonada por personagens LGBT, então eu já gostei do protagonista...haha' espero que ele consiga criar coragem e contar para o David o que sente. Vou procurar a continuação :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  25. O quê? Como assim? Cadê o resto? Eu quero mais rsrs... Adoro história românticas que começam com uma amizade.

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Fico admirado com o seu poder de escrever! Tenho a certeza de que serã bem sucedida 😉

    ResponderExcluir
  27. Curtiiii! Sua escrita é bem gostosa <3

    ResponderExcluir
  28. Oi Italo, tudo bem?
    Meudeus eu adorei a sua escrita, eu amo contos dinâmicos assim e diferentes do que estou acostumada a ler. Gostei da proposta e me encantei com os personagens, estou esperando um final feliz para eles! Com certeza irei conferir os próximos capítulos!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir

® Faces em Livros | Layout por A Design - Ilustração por Graciele Paiva